Veja como trocar de carro com segurança

Veja como trocar de carro com segurança

A aquisição de um automóvel costuma ser um momento alegre, pois simboliza uma nova conquista na trajetória do proprietário. Mas é justamente aqui que existe um detalhe importante, pois a animosidade pode atrapalhar o bom senso do consumidor, prejudicando o sonho de trocar de carro.

E foi pensando nesse dilema que preparamos este artigo. Aqui, elencamos as principais dicas para que você renove o modelo na sua garagem sem passar por sufocos ou arrependimentos. Sendo assim, não perca o seu tempo e acompanhe esta leitura!

As melhores dicas para trocar de carro

Basicamente, existem apenas três passos para garantir uma aquisição segura! Afinal de contas, a compra de um veículo envolve três fatores pontuais: o produto, o bolso do consumidor e o mercado disponível. Sendo assim, basta que você esteja atento às nossas dicas, para que tenha uma visão ampla da sua escolha. Confira!

Definindo o modelo

Acredite, essa é uma dica de extrema importância! Apesar de soar óbvia, vale lembrar da gigantesca parcela de consumidores arrependidos, que sofrem com pagamentos por um veículo que não atendeu suas expectativas. Por conta disso, recomendamos que você responda os questionamentos abaixo.

Qual a finalidade do automóvel?

  • solução confortável para viagens em família;
  • deslocamentos ao trabalho/universidade;
  • instrumento para um hobbie;
  • utilização profissional.

Quem ocupará esse automóvel?

  • uma família grande, com muitos integrantes;
  • apenas você e eventuais caronas;
  • um casal jovem, com bebês.

Qual o principal trajeto que esse automóvel percorrerá?

  • vias bem pavimentadas, urbanas e rodoviárias;
  • percursos acidentados, irregulares e rurais.

Qual a minha prioridade?

  • deslocamento econômico;
  • potência e elasticidade;
  • conforto e luxo.

É apenas com a soma dessas respostas que você conseguirá identificar o modelo ideal. Como exemplo ao priorizar:

  • caminhonetes 4×4, robustas e com tração adequada para circular por terrenos acidentados, transportando carga ou rebocando bens;
  • SUVs ou peruas, que são modelos confortáveis e espaçosos, capazes de acomodar famílias grandes com segurança e comodidade;
  • hatches 1.0, populares e compactos, com motorização modesta e econômica.

Por fim, vale lembrar que, de todos os modelos filtrados, você ainda precisará aplicar o critério do orçamento, evitando a tentação de entrar em um negócio que asfixie as suas contas mensais.

Planejando a aquisição

Já aqui, chegamos no passo inerente ao seu bolso. Sobretudo, é importante entender que o veículo deve lhe servir como uma ferramenta, que agilize o seu cotidiano. Por isso, você deve colocar a sua qualidade de vida acima de qualquer tentação.

simular financiamento

Afinal de contas, a qualidade de vida está diretamente ligada com sua a capacidade de manter as contas em dia, não é mesmo? E é por isso que nós recomendamos que você inicie o planejamento financeiro com pelo menos seis meses de antecedência.

Durante esse período, você poderá utilizar do tempo para refletir sobre as opções, resistir às tentações de escolhas menos racionais e o melhor de tudo, acumular um valor suficiente para sinalizar como entrada. Afinal, como padrão de mercado, o brasileiro tem um grande apreço pelo financiamento.

Este consiste em uma modalidade de aquisição que conta com a vantagem de liberar o veículo imediatamente após a compra, com toda a segurança de uma instituição financeira sólida na administração do seu contrato.

Pesquisando o mercado

Com isso, queremos ressaltar que você deve comparar as opções entre diferentes montadoras e concessionárias. Afinal de contas, vale lembrar que a compra de um carro não inclui apenas as parcelas do financiamento, mas também os custos paralelos como abastecimentos, seguros e afins.

E é justamente por isso que todo e qualquer programa de fidelidade deve ser muito bem explorado. Sendo assim, a sua função será negociar com as diferentes lojas, obtendo vantagens determinantes para a sua escolha, como:

  • bonificação na aquisição de acessórios;
  • planos de manutenção mais extensos;
  • bonificação no usado;
  • garantia estendida.

Basta seguir essas orientações para se blindar do arrependimento pós-compra! Afinal de contas, você terá refletido sobre as condições de uso do veículo para escolher o modelo e, por fim, planejará a aquisição de modo a proteger sua saúde financeira. E assim, você conquistará uma compra consciente!

Gostou deste artigo compilando as principais dicas para trocar de carro? Então não perca a oportunidade de continuar recebendo conteúdos como este. Para tanto, acesse e curta a nossa página no Facebook!

consorcio ebook
7 Shares:
Talves goste