Como saber se meu INSS está sendo pago?

Como saber se meu INSS está sendo pago?

Um dos problemas mais ingratos – e, infelizmente, comuns – aos trabalhadores na hora de dar entrada benefício da aposentadoria pelo INSS é perceber que os valores mensais de contribuição previdenciária não foram recolhidos adequadamente.

Para se ter uma ideia do tamanho do problema, apenas de 2015 a 2018 um levantamento da Receita Federal apontou irregularidades neste pagamento em mais de 90 mil empresas brasileiras. 

Essas falhas podem ocorrer por vários motivos, desde erros humanos no cadastro de informações como o NIT (Número de Inscrição do Trabalhador) ou mesmo em fraudes em que o empregador não efetua o recolhimento das contribuições em nome do funcionário. 

Mas o que poucos contribuintes sabem é que é possível evitar essa desagradável surpresa conferindo regularmente o seu Extrato Previdenciário no Cadastro Nacional de Informações Sociais – CNIS.

A boa notícia nisso tudo é que desde 2019 você pode conferir se o seu INSS está sendo pago corretamente com bem mais facilidade e sem ter que sair de casa e ir até uma agência. Afinal, a consulta é um dos mais de 90 serviços disponíveis no Portal Meu INSS!

O Meu INSS é uma ferramenta do governo que reúne os serviços do Instituto Nacional do Seguro Social e que pode ser acessado via internet ou fazendo o download de app na Play Store ou na Apple Store

Vamos mostrar o passo a passo para acessar essas informações por meio do Meu INSS, confira com a gente!

Veja como consultar o seu Extrato Previdenciário no Meu INSS e saber se suas contribuições estão sendo pagas

Para conferir possíveis “buracos” na sua contribuição previdenciária que possam atrapalhar na hora de dar entrada no seu benefício, o primeiro passo do segurado é criar uma senha de acesso e preencher um breve cadastro no portal. Vamos lá!

  1. Acesse o Portal do Meu INSS ou baixe o APP

Caso você ainda não tenha o aplicativo do Meu INSS instalado ou não fez o cadastro no portal, você precisará acessar o site gov.br/meuinss ou fazer o download do app. 

O cadastro é bem simples, bastando informar dados pessoais como CPF, nome completo, data de nascimento e depois responder algumas perguntas sobre o seu histórico de trabalho e contribuição ao INSS.

Com isso, você vai receber uma senha provisória de acesso.

  1. Emita o Extrato Previdenciário

Após fazer o login com a sua senha provisória de acesso ao Meu INSS, você pode alterá-la e emitir uma nova como quiser – desde que atenda aos critérios de segurança: ter no mínimo 9 caracteres e usar pelo menos uma letra maiúscula, uma letra minúscula e um número.

Ao acessar o portal, basta escolher a opção “Extrato de Empréstimo (CNIS)”, localizada ao lado esquerdo da página ou do app e já irá emitir o seu documento! 

No documento serão listadas todas as suas informações previdenciárias, tais como: nome do empregador, tempo de trabalho e remuneração recebida.

Além disso, é possível consultar ainda as contribuições realizadas em Guia da Previdência Social (GPS) na condição de contribuinte individual ou de prestador de serviço.

Ao final é possível ainda imprimir o fazer o download do seu comprovante. Viu como é fácil fazer tudo isso sem precisar ir até uma agência ou mesmo acessar contas bancárias online? 

Consultando o Tempo de Contribuição no INSS 

Com a reforma da Previdência Social muitos trabalhadores brasileiros ficaram em dúvida sobre quanto tempo ainda devem contribuir para ter direito ao benefício da aposentadoria pelo INSS. É aí que o Meu INSS entra novamente para a nossa vida! 

Afinal, o portal também permite consultar o extrato de tempo de contribuição no INSS e simular o tempo restante. Assim, além de conferir se os pagamentos estão corretos, você já pode ir fazendo as suas contas para a aposentadoria!

Veja como consultar no Meu INSS:

  1. Acesse o Meu INSS na aba CNIS

Assim como no passo a passo acima, você precisará acessar o site ou aplicativo do Meu INSS, fazer o login e escolher a opção “Extrato de Empréstimo (CNIS)”, localizada ao lado esquerdo da página.

  1. Acesse o Meu INSS na aba CNIS

Já na seção CNIS, você vai encontrar a opção “Relações Previdenciárias”. Basta clicar para emitir o relatório que permite visualizar os seus dados cadastrais, os vínculos empregatícios, remunerações e contribuições para a previdência.

Veja como simular o tempo de contribuição no Meu INSS:

Além dessa consulta, o Meu INSS ainda oferece a opção de Simulação do tempo de contribuição. Para isso, após fazer o login no app ou portal, siga os passos:

1 – Escolha a opção “Simulação de Tempo de Contribuição” no lado esquerdo da tela;

  1. – Clique em “calcular”, esta opção vai mostrar o tempo de contribuição em anos, meses e dias. 

3 – Vá na opção “detalhar”. Aqui, você verá todos os seus vínculos empregatícios, verificando se você já pode se aposentar por tempo de contribuição ou quantos pontos ainda faltam.

Viu como é fácil usar o Meu INSS para conferir suas contribuições? Como vimos, o portal pode ser muito útil para os contribuintes e facilitar a vida com serviços digitais como ao conferir extratos e fazer solicitações.

Que tal aproveitar para já conferir seu extrato e fazer uma simulação de empréstimo consignado? 

Na Youbo você faz todo o processo online e seguro para aproveitar crédito rápido e nas menores taxas do mercado. Faça uma simulação agora!

Dúvidas? Deixe nos comentários que teremos prazer em te responder.

1 Shares:
Talvez goste